Medicina estética em alta no mercado brasileiro

Diante do cenário promissor, indústrias farmacêuticas desafiam-se para se consolidarem como referência

São Paulo (DINO) 5/18/2021

Temos grande experiência para satisfazer, com excelência, os mais elevados níveis de exigências e garantir a máxima segurança e desempenho dos produtos.

A população brasileira anda cada vez mais preocupada com seu bem-estar e aparência. A afirmação é ratificada pelo fato de a indústria da beleza ser um dos setores que mais cresce no Brasil e, também, no mundo. Com perspectivas promissoras, a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC) revelou, em levantamento recente, que desde 2014 o número de profissionais que atuam no setor cresceu 567%, passando de 72 mil para mais de 480 mil. Ainda segundo a entidade, esse crescimento se deve à alta preocupação do brasileiro com seu bem-estar físico e mental. A medicina estética também acompanha a mesma tendência de alta.

Diante desse mercado tão promissor, indústrias farmacêuticas desafiam-se para se consolidarem como referência no setor e garantir a fidelidade de médicos, profissionais da saúde e dos consumidores finais. Nesse sentido, a Croma-Pharma Brasil tem ganhado cada vez mais notoriedade. Quem garante isso é a farmacêutica, responsável técnica da empresa, Nanci Kui. "Segurança, qualidade e tecnologia aliados ao bem-estar. Esses são os nossos compromissos para a linha de produtos voltados à medicina estética", afirma.

No Brasil desde 2014, a multinacional austríaca com mais de 45 anos de existência marca sua presença com filiais em outros 11 países ao redor do mundo. Originalmente conhecida pelos seus produtos viscoelásticos à base de ácido hialurônico usados na oftalmologia, a Croma-Pharma percebeu a crescente demanda pelo produto para uso na medicina estética minimamente invasiva e aliou essa demanda à sua expertise no processo puro de sua fabricação. Com a boa aceitação do mercado, a produção do ácido hialurônico voltada para a medicina estética tornou-se o carro-chefe da empresa.

"Na Europa, já somos referência quando o assunto é ácido hialurônico. Trouxemos essa mesma tecnologia e segurança para o Brasil. Temos grande experiência para satisfazer, com excelência, os mais elevados níveis de exigências e garantir a máxima segurança e desempenho dos produtos. Isso só foi possível porque investimos em tecnologia e em pesquisas de campo. Participamos constantemente de simpósios, cursos congressos e eventos do setor, podendo, assim, saber quais as expectativas dos profissionais em relação aos produtos voltados para a medicina e estética", afirma a farmacêutica.

No mundo, a Croma-Pharma está presente nos seguintes países: Austrália, Brasil, Alemanha, França, Canadá, Holanda, Polônia, Portugal, Romênia, Suíça, Espanha e Áustria e conta com mais de 450 colaboradores. A rede de distribuição global de produtos já atinge mais de 70 países.

Os produtos comercializados no Brasil com autorização da ANVISA são: injetáveis - preenchedores à base de ácido hialurônico da marca Saypha e Toxina Botulínica da marca Botulim; PRF Sistema para Terapia Celular da marca ACP Arthrex; cânulas para injeção de ácido hialurônico da marca Sterimedix; máscaras para tratamento dermatológico facial contendo ácido hialurônico ou chá verde.

Em breve serão lançados os fios bioestimuladores das marcas Countourel e Croma, que já estão presentes no mercado global, e uma linha de sérum para tratamentos dermatológicos faciais.



Website: https://at.croma.at/home-pt-br/company/

Informações de contato