Prospecção no LinkedIn: como estruturar o seu perfil para atrair mais clientes potenciais

Por DINO 4 de julho de 2022
Prospecção no LinkedIn: como estruturar o seu perfil para atrair mais clientes potenciais

Entenda como montar um perfil profissional e tornar sua rede um canal de prospecção

O Linkedin, nos últimos anos, se tornou o maior canal de conexões profissionais, promovendo mais facilidade aos processos seletivos, às trocas de experiência entre atuantes da mesma área, ao networking e, também, à relação entre empresas e clientes potenciais. Além disso, atualmente, o Linkedin é uma ferramenta indispensável para pessoas que desejam se manter atualizadas e bem posicionadas no mercado.

O mais comum no Linkedin foi sempre encontrar profissionais de Recursos Humanos prospectando candidatos e candidatos buscando vagas de emprego. Porém, hoje, o Linkedin vai muito além dessas funções, se estendo à prospecção de clientes/leads potenciais por parte de vendedores e SDRs e à criação de conteúdo de valor na rede, como forma de garantir mais autoridade.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo próprio Linkedin em 2021, a rede social chegou a 51 milhões de usuários no Brasil. A comunidade brasileira, segundo o levantamento, cresce, em média, 14% ao ano, ficando atrás somente dos Estados Unidos, Índia e China, sendo a quarta maior no mundo todo. Ademais, a pesquisa apresentou um aumento de 35% nas conversas e no engajamento e 29% de crescimento no compartilhamento de conteúdo.

Milton Beck, Diretor geral do Linkedin na América Latina, afirma: “Estamos aqui para aqueles que estão buscando seu primeiro emprego e também para os que já viveram boa parte de suas vidas profissionais, os que querem fazer negócios e os que estão pensando em uma mudança de carreira. Do norte ao sul do país, temos pessoas com os mais diferentes objetivos, mas com a certeza de que há um LinkedIn para cada uma delas.”

Com base nessas informações, fica mais evidente a importância de manter um perfil bem estruturado e interessante aos olhos dos visitantes, independentemente do objetivo com o Linkedin. Se esse objetivo for prospecção em vendas, essa importância se torna ainda maior, pois potenciais clientes precisam entrar no perfil do vendedor e sentir confiança e credibilidade.

Desse modo, 6 pontos significativos para se atentar no Linkedin são:

1. Ter uma boa foto de perfil

A primeira impressão é a que fica. Sua foto é o seu cartão de visita. Adicione uma imagem  com boa resolução e fundo simples. Não use selfie e nem fotos distantes e, se possível, faça uma análise da sua foto com o aplicativo Snapper.

2. Ter uma boa foto de capa

Pode ser o logotipo da sua empresa, a capa do seu livro, um evento em que você é um palestrante, uma captura de tela do seu portfólio mostrando imagens em miniatura do seu trabalho ou até uma imagem que tenha relação com a sua área de atuação.

3. Adicionar um título estratégico

Insira sua atual posição na empresa, utilize palavras-chave estratégicas (você pode buscá-las na ferramenta Ubbersuggest). Adicione sua especialidade, nomeie grandes clientes ou empregadores se preferir e escreva uma descrição cativante do que você faz.

4. Preencher todos os campos possíveis do perfil, pensando sempre no SEO

Preencha todas as informações do seu perfil. No resumo profissional, descreva o que você pode oferecer e suas vivências em outros empregos ou em cursos/faculdade. Transcreva suas experiências profissionais nos cargos, principalmente o atual, e preencha os seus principais certificados, cursos, competências, etc.

5. Participar ativamente de interações do seu nicho

Faça conexões diárias com o público-alvo, conecte-se com os leads que você deseja interagir via Outbound e até com os leads que você está interagindo via Inbound. Busque por grupos do segmento e acompanhe as publicações semanalmente. Interaja e compartilhe conteúdos com frequência e, o mais importante: não seja apenas um vendedor, seja um membro ativo na sua comunidade.

6. Realizar uma manutenção diária no perfil

Percorra sua timeline e comente algo que lhe interessa; adicione novas pessoas, comente em publicações, curta e compartilhe conquistas e conteúdos de valor, dê uma olhada em quem visualizou o seu perfil. Se você está começando, tente escrever um artigo ou publicação por mês, compartilhar algo pelo menos uma vez na semana, ter novas conexões pelo menos duas vezes por semana e interagir em grupos e comentários pelo menos uma vez ao dia.

Conclusão

O público, sendo recrutador, cliente, ou apenas uma conexão da mesma área, deseja entrar no seu perfil e sentir credibilidade. Por isso, é fundamental manter o perfil do Linkedin atualizado, bem estruturado e com conteúdos que demonstrem conhecimento, experiência e prova social. Ao se conectar ou se comunicar com alguém no Linkedin, a primeira impressão que fica é a do seu perfil. Sendo assim, se posicione como autoridade e como especialista da área em que atua e procure compartilhar conteúdos relevantes, construtivos, atuais e de qualidade profissional.

Blog
NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter e receba os melhores conteúdos sobre comunicação e negócios

O responsável pelo tratamento dos seus dados pessoais é o DINO Divulgador de Notícias. Estes dados serão utilizados para lhe enviar informativos sobre os nossos serviços, além de utilizarmos para efeitos estatísticos. Para mais informações sobre como utilizaremos os dados, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Ao utilizar este formulário você concorda com a nossa Política. O DINO Divulgador de Notícias pode compartilhar estes dados com outras marcas do Grupo Comunique-se para a mesma finalidade.

Caso deseje se desinscrever, você pode fazê-lo a partir de algum e-mail já recebido (através da função descadastrar) ou nos contatando a partir do e-mail [email protected]

Para exercer os seus direitos de usuário para retificação ou remoção dos dados sensíveis, contate-nos através do e-mail [email protected]