Escassez de informação pode ser um erro fatal para o seu release

Por DINO 20 de julho de 2015
Escassez de informação pode ser um erro fatal para o seu release

Mais do que simplesmente e encher o texto de dados, é preciso construir uma estrutura coerente e garantir a apuração dos fatos expostos

“Quem? Quando? Onde? Como? Por quê?” são as perguntas básicas que devem ser respondidas no que, jornalisticamente falando, é conhecido como “lead”. Essa “fórmula”, desenvolvida pelas redações estadunidenses, tinha como intuito deixar os textos, logo de início, informativos e dinâmicos – o que economizava tempo sem abrir mão dos dados mais relevantes sobre a notícia. Além de matérias e reportagens, há outros tipos de comunicados como, por exemplo, os releases enviados à imprensa, que devem evitar a escassez de informações.

A partir da pesquisa – elemento básico para qualquer texto informativo – é possível definir quais serão os termos e dados utilizados na publicação. Os assessores de imprensa têm como objetivo levar a marca, produto ou evento de seus clientes ao conhecimento da mídia e, para isso, necessitam criar um material que passe com exatidão a mensagem proposta. Abaixo, alguns pontos que devem ser considerados:

  • Antes de escrever, enumere os dados que já possui sobre o tema;
  • Em seguida, selecione apenas aqueles que melhor definem a mensagem a ser passada;
  • Apure quantas vezes for necessário – cheque a veracidade e exatidão do que será compartilhado, verifique as fontes de informação, busque outras referência e perspectivas a respeito do assunto, faça cruzamento de dados e, se for o caso, consulte especialistas;
  • Contextualize o tema. Situe o leitor no tempo e espaço, definindo locais, datas, horários, regiões, países e qualquer informação pertinente que deixa clara a mensagem do release. Tratando-se da divulgação de eventos, por exemplo, é muito importante lembrar sempre destes elementos;
  • Fornecer sempre os contatos do assessorado ou da assessoria. Telefones, e-mails, sites, blogs e outras ferramentas de comunicação devem ser incluídas no release para que dúvidas futuras possam ser esclarecidas.
dino divulgador de notícias

A falta que a informação faz

O primeiro sintoma de um release “carente” de conteúdo surge quando o jornalista para o qual foi enviada a pauta retorna cheio de dúvidas. Ainda que o texto enviado pela assessoria seja uma sugestão de tema a ser trabalhado numa matéria, há de se agregar no material o máximo possível de informações relevantes. As consequências negativas pode ser muitas, entre elas:

  • desinteresse dos jornalistas pela pauta;
  • divulgação de informações deduzidas, logo, erradas;
  • matérias com pouco impacto;
  • textos que não demonstram propriedade sobre o assunto e se tornam obsoletos;
  • falta de engajamento com a pauta sugerida;
  • baixo número de palavras-chave que contribuem para um melhor trabalho de SEO. Quanto mais informações, mais termos que podem remeter ao assunto e facilitar a busca e ranqueamento nos sites de pesquisa;
  • Poucas chances de render entrevista com os assessorados, uma vez que a prévia da pauta não apresenta diferenciais ou ganchos interessantes.

Um bom release informativo 

Quando se trata de comunicados à imprensa – área que lida diretamente com informação – é preciso saber dois fatos primordiais: o que fazer e o que não fazer com seu release. Para isso, temos materiais específicos que vão ajudar neste assunto.

Atente-se:

1. E-book Grátis: Os 10 erros mais cometidos na criação de um release

2. Nove dicas para escrever um bom Press-Release

Assessoria de Imprensa
NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter e receba os melhores conteúdos sobre comunicação e negócios

O responsável pelo tratamento dos seus dados pessoais é o DINO Divulgador de Notícias. Estes dados serão utilizados para lhe enviar informativos sobre os nossos serviços, além de utilizarmos para efeitos estatísticos. Para mais informações sobre como utilizaremos os dados, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Ao utilizar este formulário você concorda com a nossa Política. O DINO Divulgador de Notícias pode compartilhar estes dados com outras marcas do Grupo Comunique-se para a mesma finalidade.

Caso deseje se desinscrever, você pode fazê-lo a partir de algum e-mail já recebido (através da função descadastrar) ou nos contatando a partir do e-mail [email protected]

Para exercer os seus direitos de usuário para retificação ou remoção dos dados sensíveis, contate-nos através do e-mail [email protected]