Emplacar pautas em grandes veículos: como fazer

Por DINO 18 de março de 2022
Emplacar pautas em grandes veículos: como fazer

Conseguir emplacar pautas em grandes veículos é um desejo em comum entre muitas pessoas, sejam elas assessores de imprensa ou empresários que querem ver sua marca e/ou produto em destaque

Um dos caminhos para conquistar autoridade online é por meio de publicações na mídia. Grande parte das instituições ou pessoas que contratam um serviço de assessoria de imprensa tem como objetivo central ter a sua marca divulgada nos meios de comunicação mais conhecidos. Todavia, é importante saber que não é fácil emplacar pautas nos grandes veículos de comunicação. Para que isso aconteça, é necessário adotar algumas estratégias.

Os grandes meios de comunicação recebem um grande volume de pautas diariamente. Portanto, podemos considerar que as chances do jornalista ler a sua pauta são pequenas, pois a concorrência é de peso. Mas nem tudo está perdido. Os textos e estratégias que chamam a atenção possuem elementos em comum. Veja quais são a seguir.

Networking é primordial

É fundamental que você tenha a sua rede de contatos sempre atualizada e fomentada. Uma boa dica é participar de grupos de assessores disponíveis nas redes sociais. O contato com outros profissionais da área é de extrema importância para conseguir emplacar pautas em conjunto. Por isso, construa um bom networking e tenha maiores chances de ter a marca de seu cliente divulgada nacionalmente.

Também é essencial construir essa relação com os jornalistas. Sempre que for entrar em contato com um jornalista para oferecer as suas pautas, além de já levá-la totalmente estruturada, dê espaço para o jornalista dissertar sobre as suas necessidades. Mesmo que a pauta esteja boa e pronta para ser colocada em prática, o veículo pode estar interessado em outro assunto no momento. Por isso, converse sempre com o editor de forma franca e busque ter uma boa relação. Se a confiança do jornalista for conquistada, não tenha dúvidas de que quando surgir alguma pauta referente ao mercado de seus clientes, você será contatado. 

Pautas em conjunto para emplacar em grandes veículos

Uma alternativa para conseguir emplacar pautas nos grandes veículos de comunicação é atuando com outras fontes, além de seus assessorados, procurando outras fontes para compor a matéria. Se tiver mais de um cliente que se encaixe na mesma pauta, melhor ainda. Se não for o caso, procure outros assessores que você possui em sua rede de contatos — construída por meio do networking — e produza um material em conjunto.

E este conteúdo precisará ser rico — com um bom gancho. A pauta em conjunto deve ser levada ao jornalista praticamente pronta, com fontes especialistas, dados e, se possível, cases. Com isso, facilita que saia em um grande veículo, pois dificilmente um assessorado será fonte única de uma matéria se não for um especialista renomado. No entanto, se o desejo for sair em mídias locais e até mesmo veículos especializados, é possível emplacar a pauta como fonte única. 

Essas veiculações de menor porte também são importantes, pois são mais segmentadas e, dependendo do caso, podem ajudar a gerar mais clientes e também maior visibilidade. Mas é notório que o maior desejo de um cliente é aparecer nos grandes meios de comunicação.

Use complementos em sua estratégia

Nem sempre será possível emplacar a pauta de forma orgânica. E, cá entre nós, sempre há um investimento: seja do cliente no assessor ou do assessor em uma ferramenta que facilite o seu trabalho, por exemplo. Por isso é importante ter diferentes recursos para atender as necessidades do cliente. E um deles é, por exemplo, investir na contratação de uma agência de notícias, como o Dino. 

O cliente produz o conteúdo e ele é enviado para a agência de notícias, que faz uma avaliação em relação ao conteúdo editorial e possíveis erros ortográficos. Após essa etapa, o material já é publicado em grandes veículos parceiros dessas agências de notícias. É uma forma mais “fácil” de conseguir a publicação mas, ainda assim, é preciso construir um texto de qualidade. Para isso, se atente às próximas dicas.

Entregue um texto de qualidade

Saber a estratégia ideal para chegar até o jornalista é um passo fundamental na hora de emplacar pautas em grandes veículos. Só que, de nada adianta, se o conteúdo não for bom. É preciso levar até o jornalista notícias, não um release cru. Afinal, como já foi dito neste artigo, a concorrência de pautas é alta. Listamos abaixo 7 elementos de um texto bem escrito e noticiável.

1. Defina os pontos de dor

É um jeito inteligente de organizar o texto e direcioná-lo para o público certo, evitando conteúdo publicitário.

Escolha uma abordagem para atrair a atenção do seu público-alvo de maneira indireta. Faça com que ele enxergue a dor e a solução para o dilema dele através do seu texto.

2. Lembre-se: você está escrevendo para jornalistas

Por isso, responda algumas perguntas “jornalísticas” no seu texto, seguindo a dinâmica da “pirâmide invertida.”

  • O quê? Fale o que aconteceu. Comece pelo fato e não enrole. Qual é o problema?
  • Quem? Cite alguém ou algo específico que pode ser beneficiado com a solução.
  • Como? Apresente aos poucos as opções de resolução que a sua empresa oferece.
  • Por quê? Sempre tem um motivo. Você pode citar os motivos na manchete, exemplo: “Evento imobiliário traz transformação digital em meio ao cenário atual”.
  • Quando? Caso já tenha acontecido, informe. Se não aconteceu, esclareça quando ocorrerá.
  • Onde? Se houver um espaço físico ou digital, informe.

3. Defina seu estilo, mas fique de olho

Sempre tenha em mente qual a imagem que você quer passar e qual público deseja atingir para definir o estilo de comunicação que irá usar.

Definiu seu estilo textual e as dores que seu produto/serviço resolve? Agora é hora de colocar a mão na massa e começar a escrever o seu texto. Lembre-se: escreva uma notícia que você também leria.

Informe ao leitor que sua empresa tem conteúdo suficiente para ajudá-lo. Quando você escreve conteúdo relevante, sua credibilidade aumenta.

É interessante buscar autoridades no tema, entrevistar um especialista ou pessoas que de alguma forma se beneficiaram com a sua iniciativa.

4. Escreva uma notícia, não um release

  1. Seja criativo: use dados de mercado e traga informações relevantes sobre o nicho em que atua. Sempre utilize fontes confiáveis.
  2. Não fale diretamente com o leitor: é importante que o texto seja escrito em 3ª pessoa. Se quiser falar algo em 1ª ou 2ª, utilize aspas.
  3. Um pouco de suspense vai bem: coloque o nome da sua empresa apenas no resumo do texto. Deixá-lo no título faz com que menos pessoas se interessem por ele.
  4. Cuidado com a foto: selfie e notícia não combinam. Utilize fotos que tenham um contexto e evite logos.

5. Não venda, entregue valor

Mais importante do que falar sobre o seu produto é fazer as pessoas se identificarem com o que você resolve.

Quando sua matéria é publicada, milhões de leitores podem ter acesso àquele conteúdo. E a forma como você aborda é que vai gerar o interesse desse público. Coloque-se no lugar do leitor. Você está navegando no Terra, por exemplo.

Em qual das duas chamadas você clicaria?

a) “AGV lança novo modelo de capacete no Brasil”.
b) “Novo modelo de capacete italiano promete proteger 30% mais que os modelos anteriores”.

Com certeza a segunda chamada gera um interesse maior no público, mesmo não sendo publicitária.

6. Formule um texto noticiável

Obedecendo ao critério de noticiabilidade, o jornalista /editor fará um check in criterioso antes de publicar a sua notícia. Olha só:

  1. Clareza: existe evidências, referências que comprovem o fato?
  2. Utilidade: o dado é útil ou relevante para a sociedade?
  3. Surpresa: o texto apresenta algo notável como o “dono” que morde o “cão”?
  4. Impacto: qual o impacto que o assunto causa na sociedade?
  5. Conflito pessoal: apresenta uma situação de conflito, uma revelação ou algo que mudará a vida de pessoas?
  6. Novidade: o fato apresenta uma novidade, como um evento sobre transformação digital em tempos de crise?

7. Encerramento

Sugestão de pontos importantes para a conclusão do seu texto:

  • Marcos: o que foi alcançado e o que está por vir?
  • Depoimentos: quem apoia a ideia (ou não)?
  • O que vem por aí? Como o público pode interagir ou saber mais?

Conclusão

A concorrência pela atenção dos jornalistas é alta. Cada vez mais é necessário apostar em textos de qualidade e estratégias que atendam aos critérios de noticiabilidade para emplacar pautas. Estruturar seu conteúdo com elementos habituais de textos jornalísticos é a ponte para maximizar a visibilidade.

Assessoria de Imprensa Jornalismo
NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter e receba os melhores conteúdos sobre comunicação e negócios

O responsável pelo tratamento dos seus dados pessoais é o DINO Divulgador de Notícias. Estes dados serão utilizados para lhe enviar informativos sobre os nossos serviços, além de utilizarmos para efeitos estatísticos. Para mais informações sobre como utilizaremos os dados, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Ao utilizar este formulário você concorda com a nossa Política. O DINO Divulgador de Notícias pode compartilhar estes dados com outras marcas do Grupo Comunique-se para a mesma finalidade.

Caso deseje se desinscrever, você pode fazê-lo a partir de algum e-mail já recebido (através da função descadastrar) ou nos contatando a partir do e-mail [email protected]

Para exercer os seus direitos de usuário para retificação ou remoção dos dados sensíveis, contate-nos através do e-mail [email protected]