Luzinhas de Natal – Dicas de Conservação e Segurança

Saiba como utilizar esse enfeite natalino sem se preocupar com acidentes e conservá-las durante anos


(DINO) |

Com as festas de final de ano se aproximando é hora de decorar a casa com muitos enfeites e, principalmente, as tradicionais luzinhas de Natal. No entanto, um leve descuido pode fazer com que essas pequenas luzes causem um curto-circuito ou até mesmo se queimem. Para saber como conserva-las e não ter nenhum tipo de problema, o especialista da Loja Elétrica, Paulo Bettoni, dá algumas dicas.

Dicas de conservação

Para que as luzinhas durem vários Natais, os especialistas dão algumas dicas para guardá-las corretamente e garantir sua conservação. Segundo Bettoni, é importante guardar os “pisca pisca” de natal com muito cuidado para evitar o rompimento do circuito elétrico. “Uma opção é enrolando-os em um papelão ou pedaço de madeira, isto manterá esticado e desembaraçado”, diz.
E, o melhor de tudo: se forem bem guardadas, só precisam ser limpas uma vez só, quando forem utilizadas. Um pano seco para tirar a poeira já é o suficiente.

Como escolher

Pode parecer que as luzinhas de Natal são sempre as mesmas, porém existem opções diversificadas no mercado. Na Loja Elétrica há uma série de opções de tipos de luzes natalinas a LED, com grande diversidade de cores. Entre as vantagens, a instalação das luzes com LED são mais fáceis do que as convencionais por serem mais compactas, resultando em maior luminosidade e baixo consumo de energia.

Porém, a procura ainda é maior pelas luzinhas incandescentes em cordões, por serem mais baratas. “A opção mais econômica ainda é a mangueira luminosa incandescente”, afirma Bettoni.

Onde colocar

Para evitar transtornos, o usuário não deve instalar as luzes de natais convencionais (incandescentes) em lugares úmidos ou que estejam submetidos a água, para evitar curto-circuito. Porém, as mangueiras de LED são blindadas com o intuito de evitar curto-circuito quando são submetidas a água. “As luzes de Natal também devem ser instaladas em locais longe do alcance de crianças e de animais domésticos” aconselha o especialista.

Cuidados para evitar acidentes

Bettoni explica que é necessário verificar como ficará a instalação elétrica, para evitar choques ou curtos–circuitos inesperados. Segundo ele, é necessário desligar o circuito elétrico quando estiver manuseando o equipamento e evitar embaraçar os fios para evitar a quebra destes. “Entre as medidas para prevenir acidentes, estão: observar a capacidade de correntes dos pinos que são ligados na tomada, que normalmente varia de 1,5 a 2,5 Amperes, e ainda evitar ligar jogos em série, ou seja, uns nos outros ou vários em uma mesma tomada com o auxílio dos pinos de 3 saídas. Deve-se verificar a tensão do circuito, já que isso pode sobrecarregar os condutores levando à queima do equipamento”, pontua.

Gasto de energia

Muitas pessoas evitam colocar luzinhas no Natal para economizar energia. “Os circuitos podem ficar ligados 24 horas por dia, porém para reduzir o consumo de energia, o ideal é instalar um timer com uma programação de horário para funcionamento“, aconselha o especialista da Loja Elétrica.
Mas afinal, quanto é o gasto médio? É possível deixá-las ligadas bastante tempo? O especialista revela que quando o assunto é consumo de energia, é importante deixar bem claro as opções disponíveis no mercado. “Um conjunto com 100 mini lâmpadas incandescente consome em média 16kwh/mês caso fiquem ligados 8 horas pode dia. O ideal, para evitar o aumento do consumo no período do natal é substituir os conjuntos com lâmpadas incandescentes por conjuntos que utilizam led estes consomem 20% menos energia por mês”, aconselha.

INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA:
Jornalista responsável: Thaís Casagrande
PABX: 31.3227.4566 / 8309.4039
Hipertexto Consultoria e Assessoria de Imprensa
thais@hipertextoweb.com.br // www.facebook.com.br/hipertextowebassessoria

Informações de Contato

Nome:
Júlia Andrade
Email:
Email
Empresa:
Hipertexto
Telefone:
(31)32774566

Categorias Relacionadas