x

Instituto Life, organização que promove a conservação da biodiversidade, entrega primeira certificação

Evento será realizado no dia 05 de dezembro, na sede da FIRJAN, no Rio de Janeiro, durante Workshop Internacional de Negócios e Biodiversidade

Rio de Janeiro (DINO) 30/11/2013

“Espero que a iniciativa da Certificação LIFE estimule ainda mais o desenvolvimento e implementação de padrões globais, mecanismos de desempenho e certificações voluntárias focadas em biodiversidade". Braulio Ferreira de Souza Dias, executivo da CDB.

Organização sem fins lucrativos, que tem o apoio da ONU e do Governo Brasileiro, o Instituto LIFE realiza no dia 05 de dezembro o 3º Workshop Internacional de Negócios e Biodiversidade, na sede da FIRJAN, no Rio de Janeiro. O evento marca a entrega da primeira Certificação LIFE, ferramenta internacional inovadora que reconhece e distingue as organizações que integram a temática da biodiversidade à sua gestão, compensando seus impactos mediante ações voluntárias de conservação da natureza.
Fundado em 2009, em Curitiba, o Instituto LIFE tem como objetivo promover um maior engajamento do setor privado com a conservação da biodiversidade. O Instituto LIFE foi criado a partir dos esforços da Fundación AVINA, SPVS (uma das ONGs mais importantes no Brasil na área de conservação da natureza), POSIGRAF (maior indústria gráfica brasileira e uma das maiores da América Latina), e Fundação Grupo Boticário (Organização que tradicionalmente apoia projetos de conservação).
Reconhecido pela Convenção das Nações Unidas sobre Diversidade Biológica (CDB), o Instituto LIFE desenvolveu a Metodologia de Certificação LIFE. Esta define um desempenho mínimo em conservação estabelecido de forma proporcional aos impactos ambientais de cada organização, a ser realizado por meio de ações de conservação da biodiversidade. Este desempenho mínimo em conservação, calculável, pode ser considerado uma compensação empresarial voluntária dos impactos que a organização não logra mitigar via sua própria gestão ambiental. Assim, quanto melhor a gestão e menor o impacto mensurável, menor a compensação voluntária obtendo o necessário ciclo virtuoso de um desenvolvimento econômico efetivamente sustentável.
Aplicável a organizações de qualquer porte e setor, a Certificação LIFE é pautada em diretrizes internacionais e nacionais para conservação – inseridas em um exclusivo sistema de hierarquização e priorização de ações focadas nas ecorregiões mais ameaçadas.
“Espero que a iniciativa da Certificação LIFE estimule ainda mais o desenvolvimento e implementação de padrões globais, mecanismos de desempenho e certificações voluntárias focadas em biodiversidade. Parabenizo o Instituto LIFE por esta iniciativa bem sucedida”, diz Braulio Ferreira de Souza Dias Secretário Executivo da CDB (Convenção das Nações Unidas da Diversidade Biológica).
Primeira certificação – Será entregue ao escritório de advocacia Gaia, Silva, Gaede & Associados de Curitiba a primeira Certificação LIFE.

O escritório, que conta com 115 profissionais e tem com principais impactos as emissões de carbono devido a viagens e deslocamentos de corpo de funcionários profissionais associados, apoia a proteção da Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Fazenda Santa Maria com 400,27, situada no município de Antonina. A proteção dessa área é fundamental para garantir a conservação do patrimônio natural que sofre imensa pressão de caça, desmatamento, corte ilegal de palmito, tráfico de animais etc. A RPPN Santa Maria, em conjunto com outras áreas naturais, contribui para a proteção do manancial de água que abastasse toda a população do município de Antonina, cerca de 17.000 pessoas.

“A Certificação LIFE proporciona o reconhecimento dos investimentos da empresa, aumentando o valor das marcas certificadas a partir de uma agenda de inovação e pioneirismo, e que respondem a uma tendência irreversível do mercado. O setor empresarial começa a incorporar a questão da importância da preservação do patrimônio natural em suas decisões estratégicas visando não apenas a melhoria da qualidade de vida ou a preservação ambiental, mas também a perenidade do próprio negócio”, atesta Miguel Milano, presidente do Conselho diretor do Instituto LIFE.

QUEM SÃO OS LÍDERES DO INSTITUTO LIFE:
Miguel Milano – Presidente do Conselho Diretor do Instituto LIFE
Engenheiro florestal, mestre e doutor em ciências florestais pela UFPR, é atualmente presidente do conselho diretor do Instituto LIFE, diretor da Permian Global para o Brasil e da Milano Consultoria e Planejamento, além de integrar o conselho de sustentabilidade da Novelis e os conselhos de administração do FUNBIO, do Forest Trends e de O Eco, entre outras organizações. Foi professor da Universidade Federal do Paraná (Curitiba – PR) por vinte e cinco anos e também professor visitante da Colorado State University (Fort Collins – CO – EUA), além de diretor executivo da Fundação O Boticário de Proteção à Natureza (Curitiba – PR) por quinze anos e Diretor Corporativo de Responsabilidade Social do Grupo O Boticário, entre outros postos importantes em sua carreira profissional de mais de trinta anos dedicados à conservação da natureza e à sustentabilidade.
Clóvis Borges – Vice-Presidente Conselho Diretor do Instituto LIFE
Médico veterinário, mestre em Zoologia e conservacionista. É membro-fundador e atual diretor-executivo da organização não governamental Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental (SPVS), que faz parte do grupo de realizadores do Instituto LIFE. Clóvis Borges é membro do Conselho Consultivo do FUNBIO e fellow da Fundação Ashoka e da Fundación AVINA. Desde 1982, vem participando de inúmeras iniciativas ligadas à conservação e preservação da flora e fauna no Brasil. Já foi distinguido com diversos prêmios, em reconhecimento à sua atuação e liderança de projetos da SPVS. Maria de Lourdes Nunes - Diretora executiva da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza. Engenheira florestal, especialista em manejo de áreas protegidas, e mestre em conservação da natureza e ciências florestais. É diretora executiva da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza e é gerente de sustentabilidade do Grupo Boticário.Malu tem atuação de longa data em temas relacionados à conservação da natureza, investimento social privado, responsabilidade social corporativa e sustentabilidade. Participa do conselho de algumas organizações, como o Centro de Ação Voluntária de Curitiba, a Associação O Eco e a SAVE Brasil (Sociedade para a Conservação das Aves do Brasil). É uma das idealizadoras da Certificação LIFE. Maria Alice Alexandre – Diretora Executiva do LIFE. Graduada em Matemática pela PUC Campinas e com MBA em Negócios Internacionais pela FGV EAESP. Entre 2007 e 2009, atuou como Diretora de Compras para América Latina da NOKIA CORPORATE realizando, entre outras atividades, o desenvolvimento de novos processos para qualificação e gerenciamento da base de fornecedores e suas alianças estratégicas. Também trabalhou na LUCENT TECHNOLOGIES e na RICOH INDUSTRIE, na França. Desde 2010 trabalha no Instituto LIFE.
Informações de contato

Josi Basso

Email

4199590506